domingo, março 29, 2015

Pelos caminhos de Portugal...



Jardim Municipal de Castelo Branco - Parque da Cidade

Espaço verde bastante agradável, inserido na zona histórica da cidade. Com um traçado simples e elegante é composto por diversas árvores, lagos,corredores relvados, terminando numa grande pérgula circular.

























quinta-feira, março 26, 2015

segunda-feira, março 23, 2015

Pelos caminhos de Portugal...


A fortaleza de Peniche ainda hoje é uma imponente estrutura militar, que merece uma visita. Ali se encontra um museu (desde 1984) que ilustra a história de Peniche (com peças de arqueologia e de artesanato local, por exemplo) e que evoca a resistência antifascista, recordando que aquele forte serviu de prisão política durante o regime do Estado Novo. 

Foi devido aos constantes ataques de corsários que D. Manuel I mandou construir um castelo-fortaleza naquele local, embora a obra só tenha ficado concluída durante o reinado de D. Sebastião, em 1570. Já durante os 60 anos de domínio filipino em Portugal, realizaram-se importantes obras no forte, transformando-o numa verdadeira praça de guerra.




































quinta-feira, março 19, 2015

Um olhar



Lá vai no mar da palha o cacilheiro,

Comboio de Lisboa sobre a água:

Cacilhas e Seixal, Montijo mais Barreiro.

Pouco Tejo, pouco Tejo e muita mágoa.

(...)

Carlos do Carmo

terça-feira, março 17, 2015

Um olhar


" A imaginação é mais importante que o conhecimento"

(Albert Einstein )


sábado, março 14, 2015

Um olhar

Com flores vermelhas, brancas ou róseas, a camélia tem mais de duzentas espécies diferentes. Cultivada como ornamental, suas folhas podem ser usadas em infusões. Uma das espécies mais presentes nos jardins e salas é a chamada “Camellia Japonica”, um arbusto da mesma família, nativo do Japão, de flores vermelhas, amplamente cultivada como ornamental. No Oriente, principalmente na China, a camélia representa a feminilidade, sendo por isso muito retratadas nas artes decorativas.



quarta-feira, março 11, 2015

Pelos Caminhos de Portugal...



Entre os xistos e as cristas quartzíticas da serra da Aguda e da serra de S.Neutel, a ribeira de Alge abriu umas das mais imponentes escarpas de Portugal -  as fragas de S. Simão. São duas paredes, praticamente a pique, com cerca de 80 metros de altura, onde pelo Inverno a água ruge em cachões de espuma, e onde, no Verão deixa ver os fundões,escavados na rocha polida, testemunho de milhões de Invernos.












Mona Lisa " Animada"

ShareThis